Sobre textos e pensamentos religiosos

Caros leitores e seguidores do meu blog,

Em relação aos meus pensamentos e textos religiosos, quero que saibam que não estou impondo como verdade absoluta aquilo que sinto e acredito como correto. Cada pessoa tem sua experiência e seu sentimento com Deus.

quinta-feira, 31 de janeiro de 2008

Do sonho ao pensamento


Variando do sonho ao pensamento, penso...
Que ter medo dos pensamentos alheios, do sentido que damos a coisas que ocorrem, faz doer, mas faz doer mais aquilo que não dizem e que podemos ler no fundo dos olhos.
Ter medo das lágrimas de agora, por quê?
Porque expõe sua fragilidade.
Por que derramá-las com medo?
Porque perguntas a si mesmo: que será de mim, ainda assim, como que rude de rudimentar que sou? Onde estão os frutos plantados por mim?
Vem o medo de perder tempo demais e se abandonar sem pena.
Que mais temer ainda?
Aquilo que entra e aquilo que sai da sua casa-coração. Seus bons e maus sentimentos; medo de ser enganado por tudo aquilo que fizeste questão de acreditar para não se sentir sozinho; medo dos próprios sonhos não serem reais e não te levarem a nada; medo de confessar...
Confessar o medo de desacreditar de tudo.


2007

Um comentário:

Liliana disse...

“A felicidade nunca está aonde pomos e não a pomos aonde estamos.
Ela consiste em:
Ter – coisas
Ser – coisas
Fazer – coisas
Compartilhar – tudo o que conquistamos com quem amamos.”